Sobre a SM Fundação SM Formação Continuada Carreiras Contato
SM Aprendizagem

Em 2020, mesmo em meio a um novo cenário repleto de mudanças e desafios, a educação não parou um dia sequer. E aqui, na SM Educação, não foi diferente! Seguimos firmes em busca de exercer nosso papel como a consultoria educacional ideal, levando às instituições de ensino as soluções ideais para suas necessidades de ensino, aprendizagem e gestão.

Neste cenário, a literatura tem sido um dos temas mais abordados em nossos materiais de apoio pedagógico, nas nossas plataformas online e em outras iniciativas, como o PNLD Literário e os protocolos de retorno às aulas presenciais.

A literatura é atemporal e um meio de conectar-se com si mesmo e com o outro, por meio de uma rica experimentação estética. Por isso, estimular o hábito da leitura literária auxilia no desenvolvimento sociocultural, emocional e cognitivo dos jovens leitores, tornando a literatura um excelente recurso para apoiar a formação integral dos estudantes. 

Pensando nisso, decidimos compartilhar com você uma novidade exatamente sobre essa indispensável ferramenta. Anunciamos recentemente o lançamento de novas obras literárias publicadas pela SM Educação em 2020 e queremos compartilhar com você tudo sobre os nossos novos livros.  

As publicações, que contemplam os segmentos Infantil (Educação Infantil e Ensino Fundamental I) e Juvenil (Ensino Fundamental II e Ensino Médio), trazem narrativas emocionantes, curiosas, divertidas e inspiradoras, que abordam temas como lendas, folclore, autoconhecimento, empatia, cidadania e amadurecimento. As obras apoiam o desenvolvimento de competências descritas na Base Nacional Comum Curricular (BNCC) e de habilidades socioemocionais dos leitores.  

Além disso, sabemos que a leitura abre as portas da imaginação e proporciona conhecimentos diferentes e singulares para cada indivíduo. 

Vamos abrir essa porta juntos? Conheça nossos lançamentos! Saiba mais a seguir ou pelo nosso catálogo exclusivo e completo com todos os lançamentos: https://smliteratura.smeducacao.com.br/#/lancamento


Veja bem!

Um novo olhar sobre os opostos

Desde cedo as crianças aprendem sobre os opostos, mas a obra de Susan Hood mostra que tudo é uma questão de ponto de vista! Por meio de questionamentos e comparações entre opostos simples e complexos, “Veja bem!” conta a história de um garoto, um elefante e um gatinho que percorrem situações diversas,dialogando com o leitor acerca da relatividade das coisas de modo inteligente e divertido, para alunos da Educação Infantil, a partir de 5 anos.

veja-bem


Minhas aventuras na noite

Na obra de Stéphanie Demasse-Pottier, a protagonista pensa muito antes de dormir: relembra seu dia e imagina mil coisas até pegar no sono. Cada noite é uma aventura diferente. No álbum poético e delicado sobre os sonhos, a autora aborda temas como as expectativas, as emoções e os pensamentos infantis que permeiam os momentos de passagem entre a vigília e o sono. Este livro da editora Tatu-Bola é indicado para alunos do 1º e 2º anos do Ensino Fundamental, a partir de 6 anos.

aventuras-na-noite


Fabulosos e assustadores!

Criaturas e bichos do folclore brasileiro

A obra, para alunos dos 3º e 4º anos do Ensino Fundamental, explora, de modo lúdico, diferentes seres do folclore brasileiro. Os quatorze poemas ilustrados tratam de animais e criaturas fantásticos, e também assustadores, presentes em lendas, superstições e mitos de diversas regiões do país, e ao final, o pequeno leitor encontra um glossário que contextualiza cada um dos seres apresentados ao longo do livro escrito por Lalau.

fabulosos-assustadores


O mistério do tênis azul

Neste conto de André Bouchard, as crianças Adélia, Hortênsia, Paulo, Camila e Hugo encontram um pé de tênis azul na calçada e ficam curiosas sobre a razão de ele estar ali abandonado. Começam a buscar respostas para os seus próprios questionamentos. Cada um deles tem uma versão diferente e mirabolante para a história, o que torna essa investigação muito divertida e cheia de imaginação. A obra é recomendada para  alunos dos 3º e 4º anos e apoia o desenvolvimento de competências como pensamento crítico, resolução de problemas e criatividade.

misterio-tenis-azul


Nos estilhaços de espelho

A  novela em forma de diário da autora Florence Hinckel apoia jovens leitores a partir de 14 anos no desenvolvimento de habilidades socioemocionais. Cleo é uma adolescente prestes a completar quinze anos, a mesma idade que tinha Anne Frank, uma das personalidades que mais admira, quando morreu na Alemanha em um campo de concentração. Cleo decide então escrever um diário, tendo Anne como interlocutora. Nesse diálogo imaginário, Cleo rememora a trajetória de Anne em seu anexo secreto, mergulha em si mesma e em suas relações familiares e sociais, refletindo sobre os caminhos por vezes tortuosos dos afetos, sobre as injustiças e a complexidade do mundo, em geral.

estilhaço-espelho


O jogo de ler o mundo

A coletânea de 23 poemas de André Gravatá explora as diferentes formas de ler o mundo com reflexões sobre o cotidiano e eventos da atualidade. Em linguagem simples e indicada para estudantes a partir de 14 anos, cada poema provoca o leitor a olhar para as pequenas e grandes coisas da vida, a refletir sobre sua posição no mundo, seu entorno e sua relação com o próximo.

arte-ler-o-mundo

Esses foram os últimos lançamentos da SM Literatura. Em nossa plataforma, você encontra todo o nosso catálogo de literatura, com muitas outras obras de grandes autores. Aproveite!

Lembre-se: com a SM Educação, você tem todo o apoio pedagógico que precisa, desde a sala de aula até a gestão da sua escola. Esperamos que os conteúdos sejam úteis e auxiliem você.


 

Queridas e queridos educadores,


Nestes dias tão complexos, nós da SM Educação temos sentido a necessidade de escrever a vocês e lhes transmitir nossa solidariedade e, acima de tudo, nosso agradecimento.

Imaginamos que não deve ter sido nada fácil ter que interromper as atividades com seus alunos de forma tão abrupta. Assim como não deve ser fácil enfrentar o desafio de inventar recursos e colocar em prática uma mudança quase radical na metodologia, com pouco tempo para fazê-lo, à medida que vocês se esforçam todos os dias para evitar o agravamento
da lacuna social entre seus alunos e suas famílias.

Todas as horas que vocês estão dedicando a esclarecer dúvidas, responder a e-mails ou tentar avançar em suas matérias, em meio a uma situação tão complexa e anômala como esta, já seriam motivo mais do que suficiente para agradecimento. Mas, se há algo que nos emociona ainda mais, é o enorme esforço que vocês estão fazendo para que seus alunos não se sintam perdidos e sozinhos nesta situação, tão propícia a que o medo e o desânimo se espalhem.

Somos testemunhas da forma como vocês procuram manter contato com todos eles, como os motivam dia a dia e tentam fazê-los se apegar a uma certa normalidade perante tanta estranheza. Portanto, apesar dos arquivos que chegam até vocês sem nome, dos e-mails que trazem todo o corpo da mensagem na linha de assunto e até mesmo das fotos giradas e desfocadas, nas quais mal se consegue ler a tarefa atribuída, sabemos que vocês estão
procurando uma forma de avançar e que, na falta de salas de aula, seus grupos encontram nas suas palavras e na sua presença — ainda que virtual — esse espaço comum que continua sendo, além de um local de aprendizado, um refúgio diário.

Talvez vocês encontrem dificuldades para cumprir os conteúdos programáticos deste período — embora isso não importe muito —, e tampouco sabemos quando poderemos voltar às escolas e instituições de ensino ou se teremos o recesso em julho. Mas o que sabemos é que, nestas semanas incertas, graças ao trabalho de vocês e ao carinho com que o realizam, nossas crianças e adolescentes se encontram nas melhores mãos. Porque, longe de terem cruzado os braços, vocês estão lutando para chegar até eles, para continuar lhes abrindo horizontes por meio do conhecimento, fazendo com que se tornem cidadãos críticos e autônomos; homens e mulheres de um amanhã em que poderão, com toda certeza, tirar conclusões válidas sobre este presente incerto. Um tempo do qual esperamos sair fortalecidos e dispostos a buscar novos caminhos em direção a uma sociedade mais justa. E mais solidária.

Assim, enquanto atravessamos este momento singular, nós da SM Educação desejamos expressar nossos sinceros agradecimentos e também nosso apoio para que vocês continuem essa busca pelo bem comum. Porque, sem o trabalho de vocês, não poderíamos construir esse futuro que, com a contribuição de todos, é o nosso melhor presente. 

     Luis Fernando Crespo
     Presidente da SM

Considerando as atuais medidas de contenção do Covid-19, que levaram à suspensão das aulas em diversas regiões do país, a SM Educação reforça a possibilidade de desenvolver tarefas de forma remota com o apoio da plataforma digital de aprendizagem educamos.sm.


A plataforma de aprendizagem educamos.sm apresenta uma série de recursos digitais de ensino e aprendizagem para docentes e alunos, disponíveis para as escolas parceiras e adotantes das coleções didáticas da SM Educação. Com o uso da ferramenta, é possível fazer a gestão de classe, desenvolver atividades, fazer avaliações e manter a comunicação com todos os alunos de forma remota


As funcionalidades são práticas e simples de usar, com acesso individual. A ferramenta permite realizar:



Hoje são mais de 300 mil professores beneficiados pela plataforma nos países em que estamos presentes, com o acesso de mais de um milhão de alunos. São diversas atividades disponíveis para uso na plataforma, que podem ser aproveitadas pelos alunos em casa, com acompanhamento remoto do professor. No Brasil, mais de mil escolas utilizam a aprovam o educamos.sm, o que permite impactar continuamente a aprendizagem de mais de 30 mil alunos em todo o país. 

 

Desenvolvemos alguns vídeos com a demonstração de todas as funcionalidades da plataforma. Esse conteúdo já está disponível em nosso canal do Youtube da SM Educação: 



Educamos.sm é uma alternativa eficiente e segura para que as escolas continuem *desenvolvendo atividades no período de suspensão de aulas. Acesse a plataforma por meio do link https://br.educamos.sm/


Em caso de dúvidas, conte com o nosso atendimento pelo e-mail atendimento@grupo-sm.com.

*Educamos.sm não gera comprovação de cumprimento de carga horária

 


RESULTADOS…

A SM vive um momento de grande alegria. Os resultados e conquistas que vêm sendo obtidos pelo Grupo são entusiasmantes e representam uma etapa de grande transformação para nós.

Em 2016, o Grupo faturou globalmente 1,2 bilhão de reais (345 milhões de euros) aproximadamente, resultado compatível com os maiores grupos de educação do mundo.

Além disso, continuou com seu movimento de conquista de participação e relevância nos dez países em que está presente. E mantém sempre em seu plano a possibilidade de expansão para novos territórios.

E REALIZAÇÕES

Iniciamos nossas atividades no Brasil em 2004. E, diferentemente de outras empresas de educação, optamos por entrar no país com estrutura própria e um crescimento orgânico, de participação e construção da marca, que nos permite a manutenção de nossa identidade e valores.

Ao contrário de outras organizações, a SM é uma empresa que pertence a uma Fundação – a Fundação SM –, tendo como objetivo final captar recursos financeiros que retornam à sociedade por meio de projetos, programas, ações educativas e  culturais, além  de iniciativas para formação e valorização da docência.

Em 2016, foram quase 10 milhões de reais investidos com esse objetivo.

E começamos 2017 ainda melhor. Celebramos este ano os 80 anos do Grupo SM no mundo e os 40 anos da Fundação SM. Em um ano tão especial para a SM, temos ainda muito mais motivos para comemorar.

Momento de promover mudanças

Hoje, com 13 anos de mercado, atingimos uma maturidade profissional e financeira, vivendo o melhor ano de sua história no país.

Negociamos com sucesso a venda de livros para o Programa Nacional do Livro Didático (PNLD), destinado aos alunos da educação básica da rede pública de todo o Brasil. No total, serão cerca de 15 milhões de alunos utilizando o material didático da SM em 2018, resultado que supera de forma expressiva nossas expectativas.

Para a rede particular de ensino, investimos pesado no desenvolvimento de soluções inovadoras, de excelente qualidade e competência.

Reformulamos a nossa coleção Aprender Juntos, para o Ensino Fundamental 1. Uma proposta coerente e eficaz para a formação integral do aluno, que fortalece a interação entre professor e o jovem na condução das aulas. Com 11 anos desde sua primeira edição, essa coleção foi a nossa primeira grande realização no Brasil.

Estamos orgulhosamente lançando a coleção Geração Alpha, para o Ensino Fundamental 2. Um projeto inovador feito para a nova geração de jovens que surgem em sala de aula. Essa coleção, assim como esses estudantes, já nasce completamente integrada aos meios digital e impresso. Facilita ainda a transição do aluno para a rotina de estudos e exigências do Ensino Médio e dos exames acadêmicos, como o Enem.

Lançamos também a coleção Alecrim, para a Educação Infantil, uma obra com olhar único para a educação emocional, o pensamento lógico-matemático e o trabalho com a educação ambiental. Assim como o Geração Alpha e todos os projetos da SM, essa coleção oferece uma didática pautada em valores fundamentais para a formação de cidadãos mais conscientes, preparados e justos.

A Educação nos move

 

Pensando nos desafios do professor, lançamos ainda o Simplifica, um aplicativo gratuito que permite ao docente fazer a correção automática das provas e gerar relatórios para analisar o desempenho aluno por aluno, por competências e habilidades.

E, ainda, o educamos.sm, que reúne orientações didáticas, livros e recursos digitais organizados em um único ambiente, integrando conteúdos digitais com avaliação e gestão de desempenho dos alunos em um só lugar.

Além disso, continuamos ampliando o nosso já premiado Catálogo de Literatura Infantil e Juvenil, sempre seguindo nossas premissas de profusão de temas e gêneros literários, diversidade de autores e ilustradores, além de valores norteadores, como a percepção de si e do outro, e o acolhimento das diferenças.

Para oferecer maior comodidade aos professores, lançamos também o SM Literatura, um prático aplicativo para consulta de títulos por temas, anos escolares, autores e ilustradores, prêmios e planos de aula.

Vivemos um momento de constante evolução em nossas ofertas, e a nossa vontade não para aí. Queremos construir muito mais!

Os planos já em marcha para os próximos quatro anos contemplam fortes investimentos em pesquisa e desenvolvimento de soluções de alto valor e impacto para escolas, professores, alunos e famílias.

A SM está mudando. Mude com a SM.


A leitura é um importante caminho para o conhecimento de si e do mundo. É um processo de entender o mundo, para entender-­se no mundo. Este projeto da Fundação SM, em parceria com a Comunidade Educativa CEDAC, promove encontros nos quais voluntários leem com as crianças, construindo diversos diálogos entre o texto, outros livros e vivências.

A escola também participa, sediando os encontros e identificando os estudantes que participarão, além de articular os diversos agentes da comunidade escolar.

A família completa a proposta, apoiando e incentivando a criança em sua experiência leitora.

Saiba mais sobre o Myra!

http://programamyra.org/#projeto


As notícias estão invadindo as salas de aula. Como ensinar a ter senso crítico e checar a veracidade das informações das redes sociais, antes de assimilá-las ou compartilhá-las?

Segundo o “Aos Fatos”, site brasileiro que faz a checagem de notícias, o primeiro passo é verificar a atribuição de fonte para saber de onde a informação veio, se veio de um site jornalístico ou de uma universidade renomados. No entanto, não é fácil reconhecer quando um site é verdadeiro, muitos websites piratas tentam copiar as páginas de entrada de sites oficiais.

Uma dica importante está em relação ao alto grau de adjetivação em títulos e textos falsos ou sensacionalistas. Os jornais sérios possuem normas claras de não adjetivar absolutamente nada. Exageros como “a maior impunidade de todos os tempos” denota o não compromisso com a exatidão das informações.

Lembrar que existem interesses comerciais e motivações desconhecidas por trás das notícias também é sempre prudente.

Com isso, retornamos aos tempos da dialética onde a transmissão e memorização de conhecimento não são tão importante quanto o questionamento e o entendimento crítico do mundo em que vivemos.

Ainda segundo o “Aos Fatos”, existem seis diretrizes básicas na checagem de informações:


FONTES CONFIÁVEIS

Veículos conhecidos são mais confiáveis. Mas é preciso checar o endereço. Online é muito fácil replicar a identidade visual de qualquer veículo.

QUESTIONE

A fonte é uma instituição de credibilidade? Qual foi a metodologia usada para chegar àquele resultado? Tente responder perguntas desse tipo antes de compartilhar.

REFERÊNCIAS

Se houver link externo, que leve para a fonte original daquela informação, melhor.

LINGUAGEM

“Petralha”, “coxinha”, “golpista”

Muitos adjetivos ou conotação pejorativa tendem a indicar textos falsos ou distorcidos. Recorra a fontes com linguagem mais equilibrada.

QUEM ASSINA O TEXTO?  É POSSÍVEL CONTATAR O SITE?

Confira se há o expediente do veículo, e-mail, endereço físico ou telefone.

REDES SOCIAIS SÃO UM COMEÇO, MAS NÃO A MELHOR FONTE

Fonte é a pessoa ou instituição que presta informação qualificada.

Notícias: Pare, olhe e pense.

E na dúvida, não compartilhe.

Acompanhe nossas redes sociais e conte conosco para está evolução na EDUCAÇÃO!

PORQUE A EDUCAÇÃO NOS MOVE!



Utilizamos cookies e outras tecnologias proprietárias e de terceiros para operar corretamente e com segurança o nosso site e personalizar o seu conteúdo. Nós também os usamos para analisar sua experiência de navegação e para adaptar a publicidade aos seus gostos e preferências. Política de cookies

Configurar ou Rejeitar Aceitar todos